segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Ataque de desespero


Vai ano e chega ano e você continua presente em meu coração como se nunca tivesse ao menos ido dar uma volta. Fazem-se anos que eu nem cogitava ao menos encontrar você, mas o destino ou coincidência (prefiro pensar coincidência) colocou você na minha frente. Saio com amigos num dia normal, vamos passear e do nada meu corpo fica tremulo, perco o ar, meu rosto fica amarelo, coração acelera, uma mão vai ao coração e a outra simplesmente se apega a primeira prateleira que me vem à frente para eu não voar no chão. Teve uma época que eu ficava imaginando como seria encontrar você depois de ter partido meu coração, com toda certeza achei que ódio iria descrever a sensação. Mas foi uma mistura de ódio e amor. Havia esquecido o quanto de poder você tinha sobre mim, após essa infeliz situação lembrei-me de uma coisa melhor ainda... O quanto eu me amo. Você jamais me mereceu.

Um comentário:

  1. Nossa isso é verdade mesmo já amei e já sofri ! <3

    ResponderExcluir